Disney+ começa a bloquear compartilhamento de contas

Disney+ começa a bloquear compartilhamento de contas


Disney+ adota mesma medida da Netflix e começa a proibir compartilhamento de contas. 

Espera-se que o Disney Plus interrompa o compartilhamento de senhas e contas no início de 2024.

Embora se espere que o Disney Plus comece a impedir que vários usuários obtenham acesso ao serviço por meio de uma conta individual, isso não significará necessariamente proibições completas.

Em vez de banir os usuários, é provável que o Disney Plus solicite aos usuários que atualizem para uma conta familiar para permitir vários usuários. Naturalmente, isso acarretaria um aumento de custo, que os usuários teriam que engolir para continuar assistindo.

A Netflix finalmente cumpriu sua promessa de reprimir o compartilhamento de contas e parece que o Disney Plus esta seguindo o exemplo. 

É reconhecido que um certo grau de compartilhamento de contas Disney Plus é inevitável. Desde seu pico de 164,2 assinantes no final de 2022, porém, o serviço de streaming do Mickey Mouse tem apresentado uma trajetória ligeiramente descendente, com a última teleconferência de resultados do segundo trimestre de 2023 adotando métodos de bloqueio ao compartilhamento de telas. 

Embora nada tenha mudado ainda no Brasil, a Disney pode não ser tão ‘Hakuna Matata’ em relação ao compartilhamento de contas.

O Disney+ informou aos seus assinantes no Canadá sobre a atualização de seus Termos e Condições de Uso atualizados a partir de 1º de novembro de 2023. Esta mudança aponta claramente para a repressão ao compartilhamento de senhas, como já havia sido adiantado pelo CEO da Disney, Bob Iger, em agosto, durante a última conferência de resultados financeiros para os acionistas. 

Como fica ? 

As novas condições explicitamente indicam que, a menos que seja permitido pelo seu Nível de Serviço (lembrando que haverá 3 planos na Europa e Canadá), os assinantes não podem compartilhar sua assinatura fora de sua residência principal.  

Plano Básico Econômico 

Após o lançamento bem-sucedido da opção de assinatura com anúncios do Disney+ nos Estados Unidos, chamada Basic, a Disney revelou planos de introduzir a oferta em vários mercados europeus e no Canadá a partir de 1º de novembro de 2023. 

Os novos planos com suporte a anúncios terão preços a partir de £4,99/€5,99 por mês na Europa e $ 7,99 por mês no Canadá. Assinantes existentes em mercados elegíveis continuarão inscritos na camada Premium sem anúncios até que o custo da assinatura aumente em dezembro, momento em que poderão optar por fazer a transição para os novos planos com preços mais baixos. 

“O forte momento dos nossos planos com suporte a anúncios nos Estados Unidos demonstra a importância de oferecer aos consumidores escolha, flexibilidade e valor. Estamos empolgados em expandir essa oferta para mais mercados ao redor do mundo, incluindo Europa e Canadá, e em lançar um novo pacote premium duplo com Disney+ sem anúncios e Hulu neste outono, à medida que damos passos em direção à disponibilização do amplo conteúdo do Hulu via Disney+ ainda este ano para assinantes do pacote.” 

Os planos serão:

• Standard com Anúncios
• Standard 
• Premium 

A palavra “residência” é definida como a coleção de dispositivos associados ao domicílio pessoal primário que são utilizados pelos indivíduos que ali residem. O Disney+ pode, a seu critério, monitorar a atividade da conta para verificar o compartilhamento e escolher limitar ou encerrar o acesso para evitá-lo.

A medida tem implicações significativas. Uma interpretação rigorosa dessa política pode implicar que os assinantes não poderão usar o Disney+ enquanto viajam, por exemplo, uma vez que estarão fora de sua residência. 

As novas condições incluem a frase “a menos que seja permitido pelo seu Nível de Serviço”. Isso sugere que o Disney+ pode permitir que os usuários adicionem membros fora da residência principal à sua conta, possivelmente por um custo adicional, semelhante a um recurso já existente na Netflix. 

O serviço concorrente Netflix iniciou sua repressão de senhas no início deste ano. A proibição do compartilhamento de senhas resultou em milhões de novos assinantes. 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp